5 dicas de fotografia para conquistar o consumidor no e-commerce

20/08/2015

foto ecommerce

Uma das poucas desvantagens de se vender produtos dentro de um e-commerce, é a limitação de contato do cliente com as peças, e para alguns, a experiência de ser guiado por um vendedor. A interatividade com o que se quer comprar diminui bastante, no entanto o que realmente vai seduzir o consumidor neste momento será a fotografia.

Aquele clichê: “uma imagem vale mais que mil palavras” nunca foi tão verdadeiro quanto neste ambiente. Boas imagens, produzidas dentro dos padrões técnicos corretos geram vendas, seja por meio de fotografia ou vídeos.

A questão vai muito além da estética, pois as fotos passam a ser um poderoso fator para o aumento na taxa de conversão. O primeiro passo é se colocar no lugar do cliente por um momento. É a fotografia que vai destacar as qualidades do produto quando não se pode tocar ou sentir seu cheiro.

Portanto, quanto mais detalhes se conseguir captar com as fotos, mais interessante e segura será a experiência de compra no e-commerce. Agora, vamos às dicas:

1) A qualidade das fotos é prioridade


As fotos no e-commerce equivalem a uma vitrine de loja física. O uso de imagens em boa qualidade e alta resolução vai demonstrar o produto da melhor forma. Contratar um fotógrafo profissional para fazer esse trabalho trará uma visão diferenciada do produto para o consumidor, com foco em gerar venda. Além de uma boa captação, eles irão acertar itens importantes no momento da fotografia, como a iluminação, que é o que vai realçar as qualidades do produto.

2) Abuse dos detalhes


O consumidor do e-commerce precisa ter o máximo de informações sobre o que vai comprar. A dica é abusar dos ângulos mais importantes do produto, optando por fotos exclusivas de detalhe, que não necessariamente mostrem o restante do produto. Neste momento, o foco são nos itens fundamentais para a tomada de decisão do cliente.

3) Fundo branco, sempre


É ele que permitirá que o foco fique totalmente no produto. Depois da seção de fotos, é importante que cada uma seja editada, mas que todas permaneçam com o fundo branco. O que interessa para o e-commerce, como falado no item anterior, são os detalhes, e o branco ajuda muito para essa organização da página.

4) Fotografe com pessoas utilizando o produto


Isso torna tudo ainda mais humanizado, e permite ao cliente se conectar melhor à peça vendo-a em uma pessoa real, imaginando as suas proporções e como pode combiná-la. Fotos em estúdio não trazem uma situação real com o consumidor. Mas não se esqueça, o destaque deve ser sempre o produto, não a modelo.

5) Sim, vídeos também vendem


Todo o trabalho de fotos preocupado com produção e qualidade também vale para os vídeos. Mas atenção, com eles os cuidados devem ser ainda maiores, para não correr o risco de as imagens falarem contra a marca.

A ideia é sempre prezar por uma atenção especial neste processo para dar qualidade para as fotos do site. E essas dicas fazem parte dos benefícios que um trabalho de qualidade e bem planejado para o e-commerce pode trazer para melhorar o negócio online.

São esses poderosos elementos ilustrativos que dentro de todo contexto da loja virtual vão diminuir os carrinhos abandonados, reduzir o número de devoluções e melhorar o índice de conversão. Por isso, dedique uma atenção especial a eles em sua loja virtual. E lembre-se sempre: somente boas fotografias conquistam a empatia com o produto, sanam dúvidas e constroem a confiança da marca.

Precisa de novas ideias para as fotos da sua loja virtual? Faça-nos uma visita para enriquecer seu conhecimento sobre e-commerce e garantir os melhores resultados junto conosco!
VOLTAR